Wednesday, July 13, 2005

for Macha K


for Macha K, the misterious chambermaid of Sossego Hotel,
with thanks for all the little seeds, the nice chats by the moonlight, and, above all, all those duels to the death. (apologies to my non-Portuguese-speaking readers who won't understand at all what this post is about :))

27 comments:

macha k said...

Querido Samurai,
Que mania de escrever numa língua que ninguém conhece!
Macha também agradece e retribui pelas conversas, a encenação, os duelos de morte, e todas as emocionantes sensações que a visita do Samurai desperta.:)))

OMWO said...

Dear Macha K :)
A "língua de trapos" é necessária - nem todos os meus amigo falam Português mas todos falam, bem ou mal, o latim de sua majestade :)
Cheers :)

macha k said...

Queridíssimo :)))
Não se justifique. Eu estava a BRINCAR!

macha k said...

E espero que não se assuste comigo! Eu estou SEMPRE a brincar. :)
A não ser quando me zango a sério!:)

OMWO said...

Eu percebi :)
Apenas aproveitei a deixa para explicar aos queridos ouvintes (todos os três ou quatro, e isso já a contar comigo, com a Macha, a Wei, o Sakamoto E o lagarto - e sim, eu sei contar ;)) o porquê da minha esquizofrenia linguística.
É que ja me tinha sido perguntado a sério :)

Um abraço!

PS: Eu não me assusto, prometo! :)

indiscreet looker said...

Who is Macha?
Who is OMWO?
Who is the lizard?

number six said...

Macha,
are u like that?

OMWO said...

Dear indescreet onlookers...

Nobody knows the answer to those questions, I fear :)

At Macha's hotel, some clues might be gathered, but only by the very wise :)

sétimo? said...

espelho meu, ele acha alguém mais bela do que eu?

OMWO said...

Que mania :)

Ok, não está muito bem desenhado, mas não é um espelho - é uma máscara. Clicando na imagem e vendo a versão maior (que mesmo assim não está lá muito grande :( ) talvez dê para notar os buracos para os olhos e o traço do nariz...no desenho original vê-se melhor, sorry...:(

Macha K está sempre mascarada de outra coisa qualquer...

Os detalhes ilustram alguns momentos singulares da interacção entre Macha K e o Samurai do lápis indiscreto - as vizinhas cuscas, o lagarto circense, a lua, o hotel, o tapete de musgo e as latas de salsichas, são episódios relatados aqui.

Um dia destes termino o desenho :)

OMWO

PS: E, my dear MaDi, vendo bem, aquele objecto no chao que lembra vagamente Origami poderá ser uma pista para ti :)- mas se desvendares o mistério, não reveles em publico, minha cara Watson :))

oitavo said...

A Macha K é um homem. Não percas o teu tempo com ela, OMWO.

macha k said...

E agora, Samurai? Não me defende?

OMWO said...

Como se a camareira duelista necessitasse alguma vez de ajuda...

Que cansativo...está bem, esforcemo-nos por uma resposta...

Caro oitavo, e se fôr? quem sabe quem é quem, e o que isso interessa? Macha K é uma ficção, tal como "eu". Aqui somos todos bits e bytes. O Samurai também usa máscara. Se calhar é uma mulher...ou é Gay! Horror!

"Caro" Macha K,isto poderá ser o inicio de uma bela amizade! :)

Sendo-me mais ou menos indiferente, acrescento que se a Macha K que escreveu o hotel sossego não é uma mulher, eu como o meu proverbial chapéu. Sem tempero.

PS: Macha, dito isto, seria tão giro ver "o" Sakamoto tirar uma segunda máscara que valeria a pena a desilusão :)

OMWO said...

A minha teoria aliás é que o oitavo (e pelo menos mais um dos números inteiros aqui representados) é o Sakamoto disfarçado...sempre foi um arruaceiro, esse, sempre a provocar duelos...acho que me gosta de ver violento...mas eu estou demasiado pacífico, e neste meu retiro não são permitidas cenas de pancadaria, isso é naquele "outro" sítio...

Falemos de desenho, que tal? É (quase) o unico propósito deste blog...

macha k said...

Querido Samurai,
Juro que o Oitavo não é o Sakamoto, não sou eu que estou a provocar todas estas confusões. Eu já disse o que era. Basta! Mas talvez o Oitavo seja o próprio Samurai a querer tirar nabos da púcara. Talvez desconfie de mim. Talvez afinal não seja meu amigo. Caminhamos pelos vistos em terreno pantanoso.

macha k said...

Sexto, Sétimo e Oitavo? Poupe-me!

OMWO said...

Realmente seria pouco imaginativo utilizar os números inteiros. Com a Macha K os números teriam que ser, no mínimo, os complexos! :)

Também eu não sou eu o sexto, etc, etc (comigo os números teriam que ser no mínimo os transcendentais :))

So estava a brincar...mas reconheço a Macha K pela facilidade com que a mostarda lhe chega ao nariz...e se isto não é prova do seu caráter feminino não sei o que será :)

de qualquer forma já sei bem que só há uma forma de ser desculpado pela minha terrível falta...é só um minuto!

:).........suspense....

MaDi said...

omwo:

"E, my dear MaDi, vendo bem, aquele objecto no chao que lembra vagamente Origami poderá ser uma pista para ti :)- mas se desvendares o mistério, não reveles em publico, minha cara Watson :)) "

Como é que eu fui parar no desenho da macha?

Não faço a menor ideia de como deslindar o mistério!

Só tenho dupla nacionalidade, não tenho múltipla personalidade e tampouco múltiplos cérebros.

O mistério da ausência de posts esta semana no prozacland já me tem dado muito a pensar...

MaDi said...

omwo,

acho que para ti ficava bem e^i (exponencial elevada a i).

Tem uma parte real e uma parte imaginária...a base de toda a física quântica.

OMWO said...

e também tenho uma parte trignométrica e uma parte inteira...por isso já agora deixa-me ser o

e^(2.PI.i)=1,

Sempre quis ser a fórmula mais bela da matemática :)

MaDi said...

omwo,

indecente!

Respondes-me à fórmula matemática e não me dás mais nenhuma pista?

Queres deixar-me doida?

on said...

Posso dar uma achega sobre o mistério?

on said...

O "origami" vende-se na FNAC.

on said...

Comprei lá um outro dia.

OMWO said...

Olá ON, também queres aprender a desenhar? :)
Vai aparecendo :)

on said...

Não comprei o modelo Hemingway. O meu não é desdobravel. É o outro, que tu também tens. Desenhos, só tem umas posturas de yoga e umas curvas. Tudo muito para o simbólico. Acho que a Madi já tens dicas que chegue...

Tenho pena de raramente andar de metro.

OMWO said...

Não tenhas. Agora começaram a copiar o "mind the gap" dos britanicos. A cada paragem ou ouves isso ou o "relembramos que nao é permitido fumar (...)". Não há um segundo de descanso auditivo. Um dia destes esventro um membro da administração para servir de exemplo aos demais.

O autocarro, entretanto, é um belo exercicio, com aqueles bancos invertidos que te permitem desenhar de frente os passageiros mais distraidos.